Monthly Archives: julho 2013

São Paulo: Manifestantes depredam e enfrentam PM

Um grupo de cerca de 300 manifestantes do grupo Black Bloc depredou agências bancárias na avenida Rebouças, onde houve confronto com a Polícia Militar. Os policiais tentaram conter o protesto com bombas de gás e de efeito moral. Até a chegada da PM, os manifestantes, que tinham os rostos cobertos, pichavam lojas e tentava evitar a ação dos fotógrafos no local.

Uma concessionária de carros importados foi atacada com pedras e teve carros depredados. Acusado de promover vandalismo durante ato na avenida Paulista, na última sexta-feira, o grupo iniciou a mobilização do largo da Batata, na zona oeste de São Paulo, por volta das 18h. O plano era se dirigir para a avenida Paulista.
O protesto, convocado pelas redes sociais, faz críticas ao governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), ao desaparecimento do pedreiro Amarildo de Souza no Rio de Janeiro e à militarização da polícia. A mobilização começou por volta das 18h30 e, ao longo percurso, aconteceram casos de violência e vandalismo. Um alambrado de um ponto de ônibus também foi destruído. Foram usadas marretas e pedras nos ataques. Muros e prédios foram pichados por alguns manifestantes.
Durante a manifestação, policiais detiveram alguns manifestantes considerados suspeitos de atos de vandalismo. Várias pessoas foram revistadas e tiveram os objetos avaliados pelos policiais. Em geral, os suspeitos têm os rostos cobertos por máscaras ou camisetas.
O Batalhão de Choque reagiu com bombas de efeito moral aos ataques. A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros acompanham o movimento com homens a pé, em carros e motocicletas. Nas ruas, os pedestres e os motoristas tentam escapar da confusão buscando vias alternativas.
Aviso
Na semana passada, a manifestação prestava apoio à mobilização no Rio de Janeiro contra o governador Sérgio Cabral (PMDB). Na ocasião, os manifestantes de São Paulo também bradavam contra o governador Geraldo Alckmin (PSDB). Os protestos contra o tucano voltaram a ser ouvidos nesta terça-feira.
Mais cedo, a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) e a PM informaram, por meio de nota oficial, que iriam “respeitar o direito à livre manifestação” e que dariam “segurança aos cidadãos pacíficos”. Caso fossem registradas cenas de vandalismo, contudo, a polícia prometia agir com “a energia necessária para evitar atos criminosos”. (Com Agência Brasil)

Oeste: Polícia da Bahia desarticula maior quadrilha de assalto a banco

Quatro ladrões de bancos e de carros-fortes foram presos, com uma metralhadora antiaérea – armamento capaz de derrubar um helicóptero e perfurar carros blindados –, durante a Operação Cangaço, deflagrada pela polícia baiana na região Oeste da Bahia, com o objetivo de combater crimes contra instituições financeiras. Além da participação das polícias Militar e Civil, houve o apoio da Secretaria da Segurança Pública, através da Superintendência de Inteligência, e do Ministério Público Estadual.
Foram presos Gewides Moreira dos Santos, mais conhecido como “Capenga”, 40 anos, Edeílson Ribeiro da Silva, Veridiane de Souza Rocha e James David Santos Martins, vulgo “Devinho”, este último foi preso na cidade de Ipiaú e era um dos responsáveis de esconder o armamento (LEIA A MATÉRIA). Em confronto com a polícia, após resistir a prisão, Elizaldo Pastora da Silva, também componente da quadrilha, foi baleado e, embora socorrido, não resistiu aos ferimentos.
Com o quinteto a polícia apreendeu, além da metralhadora antiaérea, calibre ponto 50, armamento que, com munição específica, pode ser usado pra perfurar a blindagem de carros-fortes. Também foram achados quatro fuzis, dentre eles um do modelo AK47, uma pistola de fabricação israelense, farta munição, carregadores alongados (comporta maior quantidade de munição), além de equipamentos como RED DOT (mira vermelha) e diversas ferramentas empregadas no arrombamento de cofres e carros-fortes.
O grupo é acusado de, pelo menos, cinco ataques a caixas eletrônicos em 2012, nas cidades de Sento-Sé, Jaguarari, Luís Eduardo Magalhães, Souto Soares e Itaguaçu. Com estas prisões, a polícia também elucida os assaltos as agências do Banco do Brasil (Barra, Cocos e Baianópolis) e do Bradesco (Barra e Cocos). Também é atribuída à quadrilha a prática de dois roubos a bancos ocorridos em Amargosa e uma tentativa de arrombamento ao cofre de uma agência bancária em São Desidério.
O bando agia fazendo cordões humanos ao redor das agências assaltadas, após dominar as forças policiais dos municípios. Já os carros-fortes eram interceptados nas rodovias. “Nós conseguimos executar uma operação que durou seis meses e esperamos que outras quadrilhas sejam presas”, disse o secretário da Segurança, Maurício Teles Barbosa.
Estatísticas
Na semana passada a SSP divulgou os números dos principais índices de criminalidade no estado e um dos mais positivos foi ressaltado, quando se estabeleceu um comparativo do primeiro semestre de 2013 com o mesmo período do ano passado, em relação a delitos contra instituições financeiras. “A criação do Grupo Avançado de Repressão a Crimes Contra Instituições Financeiras (Garcif) da Polícia Civil, a ampliação das Companhias Independentes de Policiamento Especializado (Cipes) da Polícia Militar, além da modernização e investimento na parte de inteligência policial, contribuíram decisivamente para que a redução chegasse a atingir 6,5%”, esclareceu Barbosa. FONTE: SSP/BA

Formosa: Prefeitura emite “Nota de esclarecimentos”

Após postagem do Blog Oeste Global (ver aqui) e também de veiculação de ativistas da rede social Facebook sobre empreendimento que visa extração de areia e brita no Rio Preto a prefeitura de Formosa do Rio Preto emite nota de esclarecimentos, como segue na integra abaixo.
Nota de Esclarecimento.
Formosa do Rio Preto, 26 de julho de 2013
Tendo em vista a circulação de boatos pela cidade e, em respeito à população, o prefeito municipal de Formosa do Rio Preto vem prestar os seguintes esclarecimentos:
O prefeito municipal Jabes Junior reitera mais uma vez o seu compromisso com o município e com seus cidadãos. Neste sentido, repudia qualquer atitude que possa prejudicar o Rio Preto e seus afluentes, uma vez que, entende o mandatário municipal, ser este rio um patrimônio incomensurável. Não existe no órgão responsável pelo assunto, neste município, nenhum requerimento de licença, até a presente data, para uso de dragas.
NOTA DE ESCLARECIMENTO – PREFEITURA MUNICIPAL DE FORMOSA DO RIO PRETO
Após o surgimento destes questionamentos, o prefeito, sempre preocupado com os interesses do município, solicitou do corpo técnico da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, pesquisa completa sobre o assunto supra citado. Foi constatado o protocolo de requerimentos junto ao Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM) para extração de areia em nome de R.C. Setubal ME (processos 872.029/2011 – 872.030/2011 de 20.05.2011 e Sergivaldo Bispo de Azevedo (processo 874.511/2011 de 24.11.2011), ambos no Rio Preto.
O prefeito informa que, mesmo sabendo que extrações nas áreas citadas (bacia do Rio Preto) são de competência e responsabilidade do DNPM, continuará atento e vigilante e tomará, sempre que necessário, medidas cabíveis em quaisquer esferas para defender o Rio Preto.
Finalizando, o prefeito ratifica que não aceita nenhum ato que venha prejudicar o rio ou qualquer recurso natural do nosso município.
Jabes Junior
Prefeito Municipal

Luís Eduardo: Acontece nesta quinta (01/ago) a III Conferência Municipal de Cultura


Sob o tema “Uma Política de Estado para a Cultura: Desafios do Sistema Municipal de Cultura 2013”, o município de Luís Eduardo Magalhães promove na próxima quinta-feira, 1º de agosto, a III Conferência Municipal de Cultura. O evento será realizado no auditório do Hotel Solar Rio de Pedras a partir das 18h30. O objetivo principal do encontro é discutir a dinamização do Sistema Municipal de Cultura (SMC) de acordo com o que determina o Ministério da Cultura e a Secretaria de Cultura do Estado (SECULT).

“Já temos nosso Sistema Municipal de Cultura, vamos aproveitar a conferência para o debate e a apresentação de sugestões visando sua melhoria”, explica a secretária de Cultura e Turismo de Luís Eduardo Magalhães, Janne Schlossler.
Além da discussão do Sistema Municipal de Cultura, a III Conferência de Luís Eduardo Magalhães deve também: elaborar um Plano de Ações Estratégicas para a Cultura do Município; estimular a elaboração de políticas culturais a partir das dimensões simbólica, cidadã e econômica da cultura; estimular o planejamento de políticas, projetos e ações municipais para a cultura com a participação e o controle da sociedade civil.
As Conferências de cultura são espaços de debate e proposição de políticas, programas e ações para o campo da cultura, por representantes do poder público, da sociedade civil, das comunidades culturais, artistas, produtores, agentes e articuladores culturais. A Conferência de Cultura é um importante componente do Sistema de Cultura. Ela é uma das instâncias de consulta, participação e controle social da política cultural municipal, estadual e federal. (Assessoria de Comunicação do Governo de Luís Eduardo Magalhães – ASCOM 

Formosa: Audiência é redesignada e promotor deixa comarca

O juiz eleitoral da comarca eleitoral de Formosa do Rio Preto, Dr. Claudemir da Silva em nova publicação no diário oficial do Tribunal Regional Eleitoral desta terça-feira (30/jul) remarcou audiência de instrução e julgamento na Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE), que ocorreria no dia 1º de agosto de 2013, para o dia 09 de agosto de 2013, às 9:30 horas, na Sala de Audiências do Fórum da cidade. Em sua justificativa, o juiz alega a transferência para outra comarca do promotor eleitoral, Dr. Rodrigo Rubiale por motivo de promoção em carreira.

Clique na imagem para amplia-la

Papa Francisco: Gays não devem ser julgados ou marginalizados

A bordo do avião que o levou do Rio de Janeiro para Roma, o papa Francisco afirmou neste domingo (28/jul) que, segundo o Catecismo da Igreja Católica, a orientação homossexual não é pecado, mas os atos, sim. “Se uma pessoa é gay e procura Deus e a boa vontade divina, quem sou eu para julgá-la? O Catecismo da Igreja Católica explica isso muito bem. Ele diz que eles não devem ser marginalizados por causa disso, mas que devem ser integrados à sociedade”, afirmou. As declarações foram feitas a jornalistas quando o pontífice respondia a uma pergunta sobre o chamado “lobby gay” do Vaticano. “O problema não é ter essa orientação. Devemos ser irmãos. O problema é fazer lobby por essa orientação, ou lobbies de pessoas invejosas, lobbies políticos, lobbies maçônicos, tantos lobbies. Esse é o pior problema”, disse, e brincou: “Vocês veem muito escrito sobre o lobby gay. Eu ainda não vi ninguém no Vaticano com um documento de identidade dizendo que é gay”.

Formosa: Juiz remarca data de audiência

O juiz eleitoral da comarca de Formosa do Rio Preto, Dr. Claudemir da Silva Pereira, em despacho publicado no diário oficial da Justiça Eleitoral do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia em sua edição 132 de 24 de julho de 2013, remarcou para o dia 1º de agosto audiência que trata de Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) Processo n.º: 249-08.2012.6.05.0187. Na justificativa, o magistrado relata que: “Tendo em vista que este Magistrado assumiu a 187ª Zona Eleitoral – Formosa do Rio Preto, na data de 15 de julho de 2013, e considerando que já tinha audiências pautadas na Vara Criminal da Comarca de Luís Eduardo Magalhães, REDESIGNO a continuação da audiência de instrução e julgamento para o dia 01 de agosto de 2013, às 9:30 horas, na Sala de Audiências do Fórum da Comarca de Formosa do Rio Preto”.
Clique na imagem para amplia-la

Papa: “Não me agrada um jovem que não protesta”

Em entrevista ao repórter Gerson Camarotti, da GloboNews, Papa Francisco comenta as manifestações de rua de junho no Brasil: “O jovem é essencialmente um inconformista. E isso é muito lindo! É preciso ouvir os jovens, dar-lhes lugares para se expressar, e cuidar para que não sejam manipulados”. Além disso, tocou em assuntos sensíveis para a Igreja Católica, como os escândalos no Vaticano e a perda de fiéis.

Antes de embarcar para o Vaticano, o Papa Francisco abordou assuntos delicados para a Igreja, como os escândalos no Vaticano e os desafios para atrair fiéis. Em entrevista ao repórter Gerson Camarotti, da GloboNews, ele comentou também a acolhida que teve no Brasil, durante a Jornada Mundial da Juventude, e deu mais uma vez lições de humildade.
Leia, a seguir, trechos da entrevista:
Brasil e Argentina
“O povo brasileiro tem um grande coração. Quanto à rivalidade, creio que já está totalmente superada. Porque negociamos bem: o Papa é argentino e Deus é brasileiro.”
Pobreza x ostentação
“Penso que temos que dar testemunho de uma certa simplicidade – eu diria, inclusive, de pobreza. O povo sente seu coração magoado quando nós, as pessoas consagradas, são apegadas a dinheiro.”
Perda de fiéis
“Não saberia explicar esse fenômeno. Vou levantar uma hipótese. Pra mim é fundamental a proximidade da Igreja. Porque a Igreja é mãe, e nem você nem eu conhecemos uma mãe por correspondência. A mãe… dá carinho, toca, beija, ama. Quando a Igreja, ocupada com mil coisas, se descuida dessa proximidade, se descuida disso e só se comunica com documentos, é como uma mãe que se comunica com seu filho por carta. Não sei se foi isso o que aconteceu no Brasil. Não sei, mas sei que em alguns lugares da Argentina que conheço isso aconteceu.”
Escândalos no Vaticano
“Agora mesmo, temos um escândalo de transferência de 10 ou 20 milhões de dólares de monsenhor. Belo favor faz esse senhor à Igreja, não é? Mas é preciso reconhecer que ele agiu mal, e a Igreja tem que dar a ele a punição que merece, pois agiu mal. No momento do conclave, antes temos o que chamamos congregações gerais – uma semana de reuniões dos cardeais. Naquela ocasião, falamos claramente dos problemas. Falamos de tudo. Porque estávamos sozinhos, e para saber qual era a realidade e traçar o perfil do novo Papa. E dali saíram problemas sérios, derivados em parte de tudo o que vocês conhecem: do Vatileaks e assim por diante. Havia problemas de escândalos. Mas também havia os santos. Esses homens que deram sua vida para trabalhar pela Igreja de maneira silenciosa no Conselho Apostólico.”
Jovens
“Com toda a franqueza lhe digo: não sei bem por que os jovens estão protestando. Esse é o primeiro ponto. Segundo ponto: um jovem que não protesta não me agrada. Porque o jovem tem a ilusão da utopia, e a utopia não é sempre ruim. A utopia é respirar e olhar adiante. O jovem é mais espontâneo, não tem tanta experiência de vida, é verdade. Mas às vezes a experiência nos freia. E ele tem mais energia para defender suas ideias. O jovem é essencialmente um inconformista. E isso é muito lindo! É preciso ouvir os jovens, dar-lhes lugares para se expressar, e cuidar para que não sejam manipulados.”

Joaquim Barbosa já é carta fora do baralho de 2014

Se ele pretendia ou não ser candidato, não importa. A possibilidade de que Joaquim Barbosa dispute a presidência em 2014 ou em qualquer momento desapareceu para sempre. O motivo é a mistura do público (seu apartamento funcional em Brasília) com o privado (a empresa offshore que comprou seu apartamento em Miami, cuja sede é o imóvel do STF). Com Barbosa fora da disputa, o jogo agora se resume a Dilma Rousseff, Marina Silva, Aécio Neves, Eduardo Campos e José Serra. Mas nem todos estão garantidos no tabuleiro.

Cotegipe: Prefeitura solicita seis profissionais do programa “Mais Médicos”

Com 417 municípios, a Bahia é um dos destinos dos profissionais que se cadastraram no primeiro ciclo de contratação do programa Mais Médicos. No estado, segundo o Ministério da Saúde, foram 317 municípios que se candidataram, o que representa 76% do total. Nos lugares menores, destino prioritário do projeto, a esperança é que as medidas anunciadas aconteçam logo. Distante 850 quilômetros de Salvador, Cotegipe não tem nenhum hospital e conta apenas com um centro médico não reconhecido pelo Sistema Único de Saúde (SUS), que atende em situação precária. “É uma cidade desassistida em tudo. Se alguém quebrar uma perna, quebrar uma clavícula, ou mesmo ter um AVC (acidente vascular cerebral – derrame), a gente tem que encaminhar para Barreiras”, diz Maria Augusta Silveira, secretária de Saúde do município. Cotegipe solicitou seis profissionais para o programa do governo e, dos médicos que atendem na localidade, apenas um fez cadastro com a intenção de permanecer.