Monthly Archives: Março 2013

Formosa: Pilosão solicita solução para povoado do Ouro


Após visita na comunidade do Ouro, o vereador Juraci Barbosa de Oliveira, vice presidente da Câmara de vereadores, popular Pilosão, detectou que o sistema de distribuição de água na localidade não é eficaz para atender a todos os moradores.

Diante do problema, o vereador, em sessão realizada no dia 19 de março, encaminhou indicação ao executivo com o objetivo de solucionar o problema e elevar a qualidade de vida dos moradores do povoado. “Creio ser desnecessário a argumentação sobre a importância da água para a qualidade de vidas das pessoas. O sistema de distribuição está implantado e o custo para a regularização do abastecimento é pequeno diante dos benefícios para a saúde, bem estar e conforto dos moradores por exemplo”, falou Pilosão.

Formosa: Lá vem chuva, apagão e falta de sinal celular


O Instituto Climatempo prevê sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite em Formosa do Rio Preto. Renovem seus estoques de velas e aproveitem para fazer suas ultimas ligações do dia.

Ministério Público da União abre inscrições para concurso com salários de até R$8 mil


O Ministério Público da União (MPU) abre na próxima segunda-feira (25), as inscrições para o seu concurso público com 147 vagas mais cadastro de reserva para os cargos de técnico e analista. Os salários são de R$5.345,03 e R$8.276,42, respectivamente, incluindo o auxílio-alimentação, de R$710. As vagas serão distribuídas entre todas as 27 unidades da Federação. Do número total de vagas, 109 são para técnico na área de apoio técnico-administrativo, com especialidade em administração, e 38 para analista na área de apoio jurídico, para candidatos com formação em direito.  Já para analista processual, com exigência de curso superior em Direito, são oferecidas de imediato 38 vagas. As inscrições poderão ser feitas até o dia 9 de abril, através do site do Cespe/UnB, organizador da seleção. As taxas são de R$55 (técnico) e R$ 70 (analista). As provas objetiva e discursiva estão marcadas para 19 de maio. A validade inicial do concurso é de dois anos, prorrogável uma vez pelo mesmo período, o que possibilitará muitas convocações.

Abapa inicia obra de recuperação da Estrada Rio de Pedras


Os produtores já podem notar a melhoria das condições da Estrada Rio de Pedras. A recuperação está sendo executada pela Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa), que em dez dias de serviço concluiu um trecho de 15 quilômetros. “A qualidade do trabalho está excelente, vai melhorar o escoamento da nossa produção, facilitar o transporte dos insumos e baratear o valor do frete. É um grande benefício”, comemorou o produtor, Ismair Zanin.

A intervenção faz parte do Projeto de Conservação dos Recursos Naturais e Escoamento da Produção, conhecido como Patrulha Mecanizada, que está possibilitando a recuperação das estradas vicinais dos núcleos produtores de algodão. Desenvolvido pela Abapa, com recursos do  Instituto Brasileiro do Algodão (IBA)  e do Fundo para do Desenvolvimento do Agronegócio do Algodão (Fundeagro), o projeto foi viabilizado através do convênio de parceria público-privada, com a Prefeitura Municipal de Barreiras e os produtores da localidade.
“Esse é o projeto piloto que será concluído em abril. Continuaremos em outras frentes de trabalho sempre com o objetivo de melhorar a logística e reduzir os custos de produção”, afirmou a presidente da Abapa, Isabel da Cunha. No município de Barreiras, além da Estrada Rio de Pedras (40 km) será recuperada também a Estrada do Café (56 km), totalizando 96 quilômetros.
O Projeto Patrulha Mecanizada também contempla os municípios de São Desidério, Luís Eduardo Magalhães,  Formosa do Rio Preto, Baianópolis, Jaborandi, Riachão das Neves, Cocos e Correntina. (Cristiane Barilli/Ascom Abapa)

Formosa: Jonas Batista questiona cobrança de taxa e solicita iluminação


Em sessão plenária realizada no dia 19 de março, o vereador Jonas Batista cobrou iluminação pública para a comunidade rural do Arroz. Em sua indicação ao executivo, Batista afirma que a referida localidade contribui com taxa de iluminação sem o recebimento da devida contra partida. “O pagamento da taxa de iluminação é há contraprestação do serviço de iluminação, entretanto a comunidade encontra-se as escuras”, falou Jonas Batista.


Segundo o parlamentar, foi feita consulta a empresa COELBA, a qual informou ser do executivo municipal a responsabilidade pelo serviço.

Luís Eduardo: Prefeitura adota práticas sustentáveis


O prefeito Humberto Santa Cruz, em reunião com secretários municipais, na última terça-feira,19, autorizou a implantação da Agenda Ambiental A3P nas repartições de todas esferas do governo municipal. Essa agenda é um programa coordenado pelo Ministério do Meio Ambiente que se propõe implementar uma gestão ambientalmente saudável nas atividades administrativas e operacionais dos órgãos públicos, com adoção de tecnologias ecoeficientes e mais limpas, que poupem matéria-prima, energia e recicle seus resíduos.

A adoção de critérios ambientais na administração pública objetiva reduzir os impactos ambientais de suas ações, projetos e programas. Também visa contribuir para a mudança dos padrões atuais de produção e consumo da sociedade rumo à sustentabilidade socioambiental.

A inserção de critérios ambientais vai desde  o reaproveitamento de folhas de ofício nas repartições, adoção de copos não descartáveis, revisão de investimentos, até a gestão adequada de todos os resíduos gerados nas suas atividades, passando pela melhoria da qualidade de vida no ambiente de trabalho.

De acordo com o prefeito Humberto Santa Cruz “nossa cidade passa por constantes mudanças, o governo deve dar exemplo para órgãos públicos e privados. Com a implantação da Agenda Ambiental A3P, nesse primeiro momento vamos promover a reflexão sobre os problemas ambientais, estimulando as atitudes para o uso racional dos recursos naturais além de mudar alguns hábitos que promovem algum tipo de degradação ambiental”.

A adoção dessa nova cultura institucional implicará na geração de energia de recursos naturais e institucionais e por isso, a redução de gastos do governo. Somente através de uma visão estratégica, que busque o desenvolvimento de tecnologias limpas, a redução de resíduos na origem e substituição gradativa de insumos tóxicos, pode-se garantir uma resposta econômica, ecológica, social e efetiva das organizações. (Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães – ASCOM)

Vereador Meletinha quer valorização e igualdade de tratamento para motoristas


O vereador Meletinha encaminhou ao poder executivo municipal, proposta de alteração a legislação lei orgânica do município, em especial as leis 10/1998 e 54/2008 para que motoristas e mecânicos efetivos do município sejam valorizados tendo salários condizentes com o cargo, função e responsabilidade que assumem.

Na avaliação do parlamentar, o poder público municipal trata de forma diferenciada seus servidores. “A realidade é que servidores temporários ou comissionados em mesma função auferem vencimentos maiores que os concursados, isso é uma injustiça”, disse o vereador Meletinha.

Para o edil a lei aprovada ao final de 2012, sob nº 121/2012 paga entre R$ 1.250,00 e R$ 3.000,00 a quase todos os cargos ali criados, com possibilidades de chegarem a R$ 7.600,00 com a concessão por parte do gestor da C.E.T. Os motoristas de carreira ganham em média R$ 900,00.

Comitiva de Formosa do Rio Preto se reúne com Otto pela RODOAGRO


Otto Alencar, deputados e a comitiva de Formosa
Na terça-feira (19), o deputado Oziel Oliveira e a deputada Kelly Magalhães intermediaram audiência junto ao vice-governador e secretário de infraestrutura, Otto Alencar, para discutir questões ligadas à construção da Rodoagro, estrada que ligará o Anel da Soja à região da Coaceral.

Participaram da reunião, o prefeito de Formosa do Rio Preto, Jabes Júnior; o vice-prefeito, Gerson Bonfantti; o ex-prefeito, Manoel Afonso Araujo (Neo); o secretário de Meio Ambiente, Carlúcio Nogueira; a vereadora de Luís Eduardo Magalhães, Katerine Rios; e os representantes dos produtores da Coaceral, João Carlos e Amauri Stracci. 

Durante a reunião, o grupo apresentou sugestões para que a construção da estrada possa alcançar um número maior de produtores, fomentando assim a economia de toda região.

Formosa: Zé de Zuza solicita melhorias em escola da Caraíbas


O vereador Zé de Zuza, encaminhou indicação ao executivo municipal solicitando melhorias em escola da comunidade de Caraíbas.
Segundo justificou o parlamentar, a unidade escolar foi construída há aproximadamente 30 anos precisando com urgência de reforma e melhorias. “A edificação é antiga e apresenta séria deterioração, precisando de reforma que vai do piso ao telhado”, explicou.
Na visão do vereador, a presente indicação fundamenta-se predominantemente na melhoria da qualidade da estrutura física do prédio escolar o que a curto prazo refletirá diretamente na qualidade do aprendizado dos alunos. “Não menos importante, se faz a construção de uma quadra poliesportiva na escola, possibilitando aos estudantes além de espaço para práticas esportivas, área para atividades extraclasse, recreativa e eventos, concluiu Zé de Zuza. 

Vereador Professor Fábio reassume e se diz vítima de perseguição


Ontem, (19/mar) o vereador Professor Fábio teve formalizada sua reinvestida no cargo de vereador em Formosa do Rio Preto. Em discurso, o edil metralhou pra todo lado, não poupando seus algozes. “Sou vítima de tiranos em verdadeiro tribunal ditatorial presidido pelo presidente da casa”. “Eu só exerço uma atividade além da vereança, por isso eu voltei, agora pra ficar, porque aqui, aqui é o meu lugar”.
Professor Fábio, com sentimento de “perseguido político”, acusou a assessoria jurídica da casa de serem displicentes desconhecedores. “Não observaram a constituição de nosso país. Qualquer estudante de direito deveria saber dessas questões básicas”, vitimou-se.
Vereador Fábio repudiou a representação da APLB, que a seu ver foi formulada de forma incoerente e inconsistente, baseado somente em suposições. Como franco atirador, o vereador disparou: “A diretora da entidade (Janete Serpa) sempre utilizou da entidade sindical para ocultar suas posições ideológicas, manobrando trabalhadores para movimentos ilegais, como o ocorrido em 2.011”, disse.
Quanto à fala dirigida ao vereador Netinho, Fábio foi indistinto: “não sou eu que tenho que provar para Vossa Excelência que sou errado ou desonesto como insinuou na sessão do dia 22/02/2013, mas Vossa Excelência que deve provar o contrário. Qualquer previsão pode ser preciptada, criminosa e burra. Leio e escrevo muito para não ficar aqui gaguejando textos com palavras bonitas e escrita por terceiros”, arrematou.

Clique aqui e leia matéria sobre a sessão que extinguiu o mandato do vereador.
O Blog Oeste Global reserva espaço democrático para qualquer pessoa citada na matéria, que se sentir ofendida ou na razão de se pronunciar.